A pensar nas empresas que não dispõem de recursos internos para implementar o Regulamento Geral de Proteção de Dados e de forma a evitar a aplicação de multas, a AIP desenvolveu um serviço de consultoria para as apoiar na adoção de boas práticas na utilização de dados pessoais de clientes e trabalhadores. Uma equipa de especialistas na área jurídica e de sistemas de gestão da informação apoiará cada empresa a medir o seu alinhamento atual com o RGPD, a definir os planos de ação e progressos alcançados. Todo o processo é apoiado por plataformas informáticas que o tornam mais simples e menos oneroso. A equipa especializada da AIP está disponível para apoiar a sua empresa no cumprimento integral do RGPD.

Solicite-nos mais informação: consultoria@aip.pt ou 213 601 013.

Todas as empresas, independentemente da dimensão, têm de respeitar os novos direitos dos titulares dos dados pessoais, quer sejam trabalhadores, fornecedores, clientes ou utilizadores.

 Tendo entrado em vigor há um ano, as sanções previstas em caso de incumprimento são muito pesadas. As multas podem ir até 20.000.000€ ou 4% do volume de faturação da empresa do ano anterior. Em muitas empresas, garantir a conformidade com as novas regras comunitárias, é um processo longo, complexo e dispendioso, porém, imprescindível para diminuir o risco de incumprimento das novas regras e fundamental para assegurar os direitos e garantias dos cidadãos.

 O cumprimento das regras e o consequente reforço da segurança no tratamento da informação é fundamental não só para diminuir o risco de aplicação de coimas e evitar pedidos de indemnização pelos titulares dos dados, mas também para assegurar uma boa imagem e reputação de cada empresa.