Alimentar, decoração, mobiliário, design, artes gráficas, moda, tecidos, calçado, energia, tecnologias, construção, máquinas e equipamentos, foram os sectores que a AIP identificou como oportunidades de negócio para as empresas portuguesas nos Emirados Árabes Unidos (EAU), no âmbito da missão empresarial, que vai decorrer de 20 a 25 de maio, com o apoio do Compete 2020. As empresas interessadas podem inscrever-se aqui.

Focada nos três principais emirados da federação, Abu Dhabi, Dubai e Sharjah, a missão empresarial da AIP tem como objetivo facilitar parcerias de negócio entre mercados. Abrange reuniões bilaterais, agendadas e organizadas de acordo com os sectores e o interesse das empresas envolvidas.

Estas e outras informações foram adiantadas aos empresários que participaram no “workshop” preparativo da missão “Mercados para Exportação - Emirados Árabes Unidos”, que a AIP realizou no dia 12 de abril, na sua sede, em Lisboa.

Considerada a economia mais aberta da região do Golfo, os EAU têm crescido em média 20,7% por ano, como cliente de Portugal, desde 2011. Economia de elevado rendimento, forte sistema bancário, várias zonas francas, sistema político estável, regime fiscal atrativo, e investimento estrangeiro incentivado (diversificação face ao petróleo), são o maior centro comercial da região do Golfo e a porta para o Médio Oriente, Ásia e África.

A missão empresarial multissectorial aos Emirados Árabes Unidos insere-se no projeto conjunto de internacionalização da AIP, o Business Beyond Borders 2, cofinanciado no âmbito do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (COMPETE 2020), Programa Operacional Regional de Lisboa e do Programa Operacional Regional do Algarve, apoiado pelo FEDER.