OBJETIVO

Promover a definição de uma estratégia tecnológica própria, alinhada com os princípios da “indústria 4.0”, que permita à empresa, mudanças disruptivas dos seus modelos de negócio, processos e produtos.

SERVIÇOS DE CONSULTORIA

Para implementação de processos associados ao comércio electrónico (Customer Relationship Managment, E-commerce, Social Media Marketing, Display Advertising, Web Analytics; Mobile Marketing).

Para implementação de outros processos associados à indústria 4.0 (Sensores, Big data, Cloud, Realidade aumentada, Fabricação aditiva, Robótica, Cibersegurança, ...). 

BENEFICIÁRIOS

PME de qualquer natureza e sob qualquer forma jurídica.

CRITÉRIOS DE ELEGIBILIDADE DO BENEFICIÁRIO

Gerais:
a) estarem legalmente constituídos e disporem de contabilidade organizada;
b) terem situação tributária e contributiva regularizada na AT e SS;
c) declarar que não se trata de uma empresa dificuldade ou sujeita a injunção de recuperação;
d) declarar que não tem salários atrasos. 

Específicos:
a) não ter projectos aprovados ou em fase de decisão na tipologia de investimento "qualificação das PME" incluindo candidaturas anteriormente aprovadas no Vale Inovação;

b) efetuar consulta a pelo menos duas entidades acreditadas para a prestação de serviços na indústria 4.0;
c) ter 3 ou mais postos de trabalho existentes à data da candidatura

LEGISLAÇÃO APLICÁVEL

Geral:
Decreto-Lei nº159/2014, de 27 de outubro e Portaria nº57-A/2015, de 27 de fevereiro.

Específica:
Aviso nº29/SI/2018, de 4 de Outubro.

INCENTIVO

Incentivo não reembolsável de 75% das despesas elegíveis (40% para Região de Lisboa) com limite de €7.500
€2.500 para Diagnóstico e estratégia de implementação de processos associados ao comércio eletrónico.
€5.000 para Diagnóstico e estratégia de implementação de outros processos associados à indústria 4.0. 

Estamos disponíveis para enquadramento da sua empresa no Vale Indústria 4.0
Contacte-nos em financiamento@aip.pt ou 213 601 055.